Como criar experiência de marca utilizando a venda online?

As empresas que fizeram os investimentos certos agora podem criar uma vantagem duradoura no atendimento aos clientes.

Como estamos conversando pela nossa série de postagens, o mercado online deixou de ser uma extensão da venda de produtos e assume uma máxima importância no atual cenário, principalmente impulsionado pelo coronavírus. A aceleração dessa tendência fica ainda mais clara quando visualizamos a pesquisa realizada pela Nielsen, afirmando que houve um crescimento maior do que a média em relação aos novos consumidores do e-commerce brasileiro, ou seja, aqueles que realizam pela primeira vez uma compra online.

Será que o mercado está realmente preparado para essas mudanças?

É muito importante desde agora estar preparado para esse fluxo de venda. Principalmente desenvolvendo uma estratégia robusta visando os novos e já clientes de seus negócios para que esse canal seja eficaz durante e pós pandemia.

Vejo que as experiências de venda no mercado online ainda são muito simples e muitas vezes extremamente confusas. Essa crise evidencia marcas que não estão preparadas para esse momento e precisam urgentemente rever todos os seus processos de venda online e também distribuição dos produtos.

A transformação digital: agora ou nunca!

O varejo off-line já estava em uma queda de vendas e esse cenário ficou ainda mais maciço a partir do isolamento social. Embora o comércio retorne aos poucos, com a diminuição de pacientes infectados com o COVID-19, o consumo ainda continuará muito forte no comércio eletrônico.
Criar um bom modelo operacional antecipando essa mudança de comportamento do consumidor é uma excelente oportunidade para impulsionar o crescimento de vendas para os próximos anos.

Para Suellen Gargantini Santeramo da Agência Sugarlab, “o atendimento humanizo, boa navegação (inclusive para o mobile) e estratégias de fidelização do cliente. É o que vai salvar muitos negócios no pós-crise”.

Tornar os canais digitais, sejam as redes sociais ou seus sites de venda, mais interessantes é uma das máximas nesse momento. Outro ponto primordial é criar um diálogo com seus consumidores garantindo assim uma comunicação cada vez mais eficaz e humanizada.

“Contudo, temos muitas coisas para explorar em termos de experiência de marca, como formato, cor, linguagem e até tradição. Tudo isso sem contar a entrega, que deve superar todas as expectativas nesse momento para fidelizar o cliente. Recadinhos escritos à mão já não funcionam mais como antes, as pessoas estão buscando elementos que as fazem se sentir pertencente ao universo daquela marca. Experiência de marca completa não se encontra facilmente. Quem unir todos os sentidos e mais esses elementos, conseguirá oferecer algo nunca antes visto. A maioria das empresas prometem demais e cumprem de menos, o que acaba gerando uma frustração na entrega muitas vezes”, afirma Suellen.

A boa comunicação é a que conecta!

Como dito anteriormente, uma boa comunicação é fundamental em momentos desafiadores como vivemos agora. Empresas que estão tornando suas narrativas mais próximas de seus clientes nesse período contribuem para que sejam lembradas e priorizadas quando as condições de consumo melhorarem.

A marca catarinense Damyller vem focando nesse pilar, trazendo conteúdos referentes ao momento que estamos vivendo e linkando diretamente com peças que reflitam as necessidades que estamos vivendo hoje, como roupas confortáveis para home office. A grife tem como objetivo criar um engajamento ainda maior com seu público para então gerar venda em seu e-commerce.

Suellen, da Agência Sugarlab, destaca que ações podem ser planejadas para esse momento, como plano de fidelidade e até mesmo disparo de SMS com imagem, já que as pessoas estão muito mais tempo com o celular na palma da mão.

Também de olho na fidelização e gerando uma facilidade, a Damyller ainda criou novos formatos de venda, como a feita pelo whatsapp, onde o cliente olha o produto em seu site e pede ao vendedor via aplicativo, podendo ainda fazer o pagamento via link disponibilizado pela marca.

O maior trafego nos canais online é um dos comportamentos que vieram para ficar.

Os níveis de excelência na venda online antes da pandemia já andavam alto e agora ultrapassaram os limites e por isso os negócios precisam ser fortalecidos dentro desse cenário.

Veja algumas ideias para expandir os canais digitais:

  • Reveja e amplie os investimentos para aprimoramento do seu site e redes sociais.
  • Crie e mantenha uma conexão através de uma comunicação eficaz com seus consumidores.
  • Planeje ações para fidelização de clientes, como ativações, descontos e experiências de marca.
  • Aproveite a oportunidade para tornar o comercio digital o centro do seu modelo operacional.

Comentários