DIÁRIO DE BORDO: CAPÍTULO UM – QUANDO EU CHEGUEI ERA TUDO MATO

Olá, seja bem-vindo ao meu diário de bordo. Por aqui vou compartilhar um pouco da minha experiência na produção de conteúdo. Tive essa ideia, pois no próximo dia 17 de setembro de 2018 o site celebra 10 anos e com isso uma série de mudanças estão sendo programadas. A mais importantes delas é o reposicionamento da minha marca no mercado, que tem como objetivo criar novas conexões – e isso será relatado nos próximos capítulos.
A ideia é aqui ter links que possam a até ajudar, seja você um produtor de conteúdo (de qualquer área) ou mesmo que se interessa pelo assunto, além é de trazer os bastidores da minha vida ligada a moda.
COMO TUDO COMEÇOU?
Lá por volta de 2006 comecei essa aventura de escrever na internet ~quando tudo era mato~ na era dos blogs. Mas dei início a essa contagem a partir de 2008, quando migrei para o blogspot, do Google. Naquele ano eu lançava o blog “Área Vip”, que falava muito na cena noturna do Rio de Janeiro, cidade que eu morava na época. Mesmo tendo esse nicho central, outros assuntos faziam parte do site, como seriados, filme e televisão – na época eu ainda era um estudante de produção de Rádio e TV (faculdade no qual me formei).
A primeira postagem aconteceu no dia 28 de setembro, um texto simples falando do início da terceira temporada do seriado “Ugly Betty”, que no Brasil era transmitido pela Sony. Moda, que hoje é o principal foco do site, ainda não fazia parte dos assuntos abordados. 
O MATO ERA ALTO E TINHA MUITO PASTO PARA CHEGAR AO QUE SOU HOJE.
Graças ao meu “trabalho” na internet, fui convidado para ser assessor de imprensa em uma das maiores produtoras de festas de música eletrônica no Rio de Janeiro. Foi quando senti em 2009 que era hora de dar uma virada no site e trazer uma cara mais profissional. Rebatizei o blog de Noise makerfazedor de barulho, em tradução livre – e continuei falando de música eletrônica e entretenimento. 
MAS E A MODA, QUANDO ACONTECEU?
Os eventos ligados à noite no Rio de Janeiro estavam ficando escassos e meu interesse por eles foi perdendo o famoso “tesão”. Não lembro como, mas o assunto moda surgiu no site junho de 2009, quando divulguei a programação do São Paulo Fashion Week, mais tarde, em novembro do mesmo ano, a primeira marca surge em uma nota exclusiva: “Marlon Teixeira sendo fotografado pelo ícone inglês Terry Richardson para Sergio K.
Aos poucos, outras postagens tendo o fashion como pano de fundo foram colorindo o, então, Noisemaker. E em 2010, foi novamente o marco de mudança, quando a maior parte dos assuntos que eu compartilhava estavam atrelados a esse universo – nascia o Noisemaker por Lucca Koch, hoje apenas HR. Lucca.
NUNCA FOI TRABALHO, MAS O JOGO VIROU!
O site/blog nunca teve pretensão de ser um trabalho, era minha diversão e eu sempre encarava como um portfólio, que abriu diversas portas, como ser assessor de imprensa, em duas empresas, ter atendido grandes empresas de moda no Rio de Janeiro e também ter participado de quatro temporadas do Fashion Rio, considerado na época como um dos maiores eventos do segmento no Brasil.
Durante esse processo, tive bons convites para inserir marcas no site em trocas de pequenos “jabás”. O jogo realmente virou agora em 2016, quando retornei para Santa Catarina e vi nesse meu material, de quase 10 anos, que já passava da hora disso tudo virar minha principal fonte de renda – coloquei a mão na cabeça e pensei: o que eu estou fazendo de errado? Tenho marcas interessadas e conteúdo! Está na hora disso virar minha profissão.
MERGULHEI DE CABEÇA… 
E agora próximo a celebrar meus 10 anos um novo momento vem chegando, de querer conquistar outros patamares. Muitas mudanças estão sendo programadas, como disse no início desse texto, e você vai acompanhar (quase) tudo nesse diário de bordo.
Espero que você goste dessa aventura.

Comentários